STIMA


O dinamismo conceptual deste projecto desenvolvido para as cozinhas Stima resulta da conjugação de três aspectos fundamentais: a utilização de lâminas curvilíneas que se repetem e adaptam de forma tridimensional definindo as áreas de exposição, recepção, reuniões e atendimento, a selecção criteriosa de materiais e acabamentos e a iluminação intensificando as infra-estruturas. A fusão entre arquitectura, a pintura, a fotografia, a escultura e a poesia revelam o carácter artístico da intervenção, gerando um espaço singular. Um lago com peixes e uma folha de metal percorrida por água, na qual foi gravado o poema de Valter Hugo Mãe ‘Oitenta por cento água’, uma fotografia da cozinha do Palácio de Sintra contrastando com as linhas contemporâneas dos modelos expostos ou o balcão escultórico em aço inox surgem como elementos diferenciadores.

Na área de recepção e exposição, as lâminas curvilíneas anulam a diferenciação tecto/parede e mergulham sobre o “tapete” de mármore branco que reveste o pavimento, sendo apenas interrompidas no espaço envidraçado de montra. Estas lâminas demarcam-se pela sua simplicidade formal e plasticidade, servindo o espaço entre elas como suporte das infra-estruturas, sendo ainda realçadas pela iluminação que atribui ao espaço maior dinamismo.

Assim, a área de exposição apresenta-se como um espaço unitário, flexível, capaz de suportar uma grande diversidade de variações de expositores.

Por sua vez, o espaço de mostruário baseia-se no conceito de painéis/parede, tipo “guelras”, que compõem o invólucro espacial numa dinâmica contínua que uniformiza o espaço de exposição de cozinhas, os quais manifestam o seu conteúdo quando abertos.

No w.c. o grande espelho reflecte e dilata a sua própria escala e duplica os componentes, as torneiras estalactites mergulham na rocha cristalina do lavatório escavado pela força da água.

Na sala de reuniões foi concebida, pelo arquitecto, uma pintura monocromática onde imperam os símbolos alusivos aos instrumentos de cozinha.

FICHA TÉCNICA


 

Projecto de ArquitecturaAntónio Fernandez, Architects

Autores / António Fernandez, Ema Rosmaninho

Cliente / Craveiro & Craveiro

LocalizaçãoBeiriz, Póvoa de Varzim

Data do Projecto-Conclusão / 2004-2007

Publicações

Attitude – Portugal
Arquitectura e Construção – Portugal